Bandera de Portugal
  • 429 Invasão vândala.

  • 533 Ocupação sucessiva de visigodos e bizantinos.

  • 709 O conde D. Julião rende-se a tropas árabes.

  • 931 Ceuta sob o poder do Califado de Córdova.

  • 1061 Suqut al-Bargawati proclama Ceuta como senhorio independente.

  • 1084 Yusuf ibn Tasufín instaura a dinastia almorávida.

  • 1227 Martírio de São Daniel e seus companheiros.

  • 1309 Os háfsidas conseguem o poder graças ao apoio aragonês.

  • 1415 João I de Portugal conquista Ceuta.

  • 1640 Ceuta decide não apoiar a revolução portuguesa.

  • 1668 Portugal reconhece a “identidade espanhola” de Ceuta.

  • 1704 Cercada por terra, resiste à armada que tomou Gibraltar.

  • 1812 A Junta de Cidade passa a ser Ayuntamiento Constitucional.

  • 1859-60 Guerra de África e nova demarcação territorial.

  • 1912 Supressão do Penal e instauração do Protectorado.

  • 1956 Independência de Marrocos.

  • 1960 A ONU estuda a descolonização sem incluir Ceuta.

  • 1978 A Constituição Espanhola reafirma “identidade espanhola”.

  • 1986 Espanha entra na UE e começam a chegar ajudas.

  • 1995 Promulgação do Estatuto de Autonomia.

INSTITUTO DE ESTUDIOS CEUTÍES

Paseo del Revellín nº 30

Apartado de Correos nº 593

51080 CEUTA

Tel.: 956 51 00 17 / Fax: 956 51 08 10 / Email: iec@ieceuties.org

 

AVISO LEGAL

POLÍTICA DE COOKIES